18/05/2024 08:59:06
https://www.lucasdorioverde.mt.gov.br/site/noticias/11194/

Gestão Miguel Vaz propõe desconto no alvará pelo terceiro ano consecutivo

O projeto que trata sobre o benefício foi protocolado na Câmara Municipal
Por Ascom Prefeitura/Rubens Junior
03/02/2023 12:24

(Foto: Ascom Prefeitura/Anderson Lippi)


Ajustar tamanho da fonte:

O pagamento antecipado do alvará pode garantir desconto de 10% ao contribuinte de Lucas do Rio Verde. O Projeto de Lei Complementar que trata do benefício foi encaminhado à Câmara de Vereadores nesta quinta-feira (02).

O desconto, também concedido nos anos de 2021 e 2022, foi implantado pela atual Gestão Municipal, de maneira inédita na história de Lucas do Rio Verde.

“Esse é o terceiro ano que estamos apresentando esse projeto e para conceder o benefício aos empresários contamos com o apoio dos vereadores. Esse projeto é um pedido do prefeito Miguel Vaz, sendo uma forma de incentivar que os nossos empreendedores permaneçam regulares com o Município”, afirma o secretário de Fazenda, Giovanni Silva.

Conforme o PL, o beneficio será aplicado na taxa de licença para localização e funcionamento de estabelecimento de produção, comércio, indústria e prestação de serviço e da taxa de verificação de funcionamento regular - Alvará, referente ao exercício financeiro de 2023.

O desconto estará disponível ao contribuinte que efetivar o pagamento da taxa, em cota única, até o próximo dia 28 de fevereiro.

Protocolado na Câmara, o Projeto de Lei Complementar n° 04/2023 deve seguir para análise das comissões e, posteriormente, votação dos vereadores.

Se aprovado, o desconto será aplicado automaticamente em todas as guias de pagamento. A emissão pode ser feita Site da Prefeitura, pelo sistema Betha Cidadão (https://e-gov.betha.com.br/cdweb/03114-302/contribuinte/main.faces) e pelo chatbot do WhatsApp, da Secretaria Municipal de Fazenda, pelos números (65) 3548-2338 e (65) 99214-1636.

Prorrogação do prazo
No início do mês, a Prefeitura de Lucas do Rio Verde publicou o Decreto nº 6.219/2023, da Secretaria Municipal de Fazenda. O documento prorroga o prazo de validade dos alvarás de funcionamento de 2022 para 28 de fevereiro de 2023.

FAZENDA GABINETE
Avalie esta notícia:

Mais em Lucas do Rio Verde


17/05/2024 14:01

Lucas do Rio Verde: Projeto Municipal abre caminho para construção de estacionamento para caminhões

Proposta visa dar mais qualidade de vida aos trabalhadores do setor de transporte


17/05/2024 13:19

Município inicia obras de melhorias no Parque dos Buritis

Iniciativa visa atender melhor a população luverdense


17/05/2024 11:51

Exames de mamografia e serviços odontológicos são ofertados gratuitamente em ação da Prefeitura e Sesc

Carretas do OdontoSesc e Sesc Saúde Mulher seguem em Lucas do Rio Verde até junho


17/05/2024 10:03

Semana do MEI terá palestras e regularização de débitos em Lucas do Rio Verde

Ação será realizada pela Prefeitura e Sebrae de 20 a 24 de maio


17/05/2024 10:00

Semáforos entram em operação no cruzamento da Av. Pará com Tocantins

Intervenções como essa no trânsito da cidade são sempre precedidas por estudos técnicos que analisam o fluxo de veículos


17/05/2024 07:01

Palestra sobre Avanços na Apicultura está com as inscrições abertas até o dia 21 de maio

O encontro é para apicultores, estudantes da área e demais interessados


16/05/2024 17:00

Prefeitura inicia implantação da sinalização turística no município

Projeto é realizado pela Secretaria de Cultura e Turismo


16/05/2024 14:28

Cartões do Programa SER Família serão entregues nesta sexta-feira (17)

Beneficiados de Lucas do Rio Verde devem comparecer no auditório do Paço Municipal das 9h30 às 12h; confira lista


16/05/2024 11:30

Mutirão do CAR Digital começa na próxima segunda-feira (20)

Atendimento será realizado na Unilasalle e deve ser agendado online


16/05/2024 07:00

Quinta campanha de doação de sangue do ano será neste sábado (18)

O agendamento já está disponível no site


15/05/2024 17:22

Município entrega projetos arquitetônicos aos beneficiários do Habitacional Sonho Meu

Após retirada desses documentos, beneficiários dos lotes poderão iniciar a construção da moradia